Pois é pessoal aqui estou aqui mais uma vez para contar outra de minhas aventuras, que aconteceu no carnaval em uma cidade litorânea chamada Tamandaré aqui em Pernambuco...

Eu havia viajado no dia 04 de março para curtir o carnaval, logo no primeiro dia tomei todas e quase entro em coma alcoólico, os dias seguintes foram de muita moderação e quase nenhum alco, passei os 5 dias de carnaval em busca de alguma aventura até que na quarta feira de cinzas rolou.

Fui andar durante a noite pelas praias que a esta altura do campeonato eram quase desertas, fui até uma igreja que ficava bem na orla da para onde haviam alguns pescadores noturnos e fiquei sentado em sua escadaria, até que ja entediado resolvo voltar para casa, e quando estou chegando no point mais agitado me deparo com um moreno alto tipo jogador de basquete 1,83 mais ou menos ele ficou me olhando de longe e resolvi retribuir enquanto ele me olhava ele apertava sua mala de uma maneira que me fez até pensar em desisti parecia que ele tinha chato , mas para minha sorte não era isso ele estava me convidando a algo emocionante, atravessei a rua e tirei as sandálias e fui em direção a água ele estava de bicicleta e logo passou por mim, como não queria que ninguém soubesse deixei ele tomar distancia e fui até onde ele iria, ele logo parou próximo a uma jangada e eu fui falar com ele nos apresentamos e logo começamos a nos beijar ele é 8 anos mais velho que eu, e mora lá não era turista, ele começou então a acariciar meu pau ficamos de pé ele abaixou o short e colocou seu pau para fora logo eu abri o botão e o zíper da calça e fiz o mesmo ficamos ali nos beijando e um pegando no pau do outro até que ele me perguntou o que eu era respondi versátil, ele passivo.

Colocou a mão no bolso e tirou uma camisinha e colocou em me pau que estava latejando clamando por sexo, então pegou lubrificante e passou até o talo depois em seu rabo que era bem apertado, fui metendo devagar e logo que percebi que estava bem relaxado comecei a estocar com mais velocidade e a todo momento olhava se não via ninguém se aproximar logo eu gozei e ele também...

Me vesti o mais rápido que pude e fui embora sem dar ele nenhum contato para ele, afinal depois do carnaval TUDO É LEMBRANÇA.

Autor: Coyote
E-mail - diego_xteen@hotmail.com
MSN - Não Divulgado
Conto enviado pelo internauta.