Numa obra de emergencia em casa, conheci um pedreiro chamado, joao, ele é muito gato e gostoso.

So tinha eu e ele em casa. Ele parecia um cara normal q gostava de mulher, dois dias se passaram e a obra continuava em casa e so tinha eu e ele em casa.

Nesse dia eu tava dormindo no meu quarto e ele precisou entrar para fazer um reajuste, ele bateu na porta e permito a entrada dele, como sempre eu so durmo de cueca, ele começou e mexer eu eu comecei a apreciar aquele corpo maravilhoso, ele percebeu q eu tava olhando para ele, e começou a soltar piadinhas p mim. E eu gostando.

Derrepente ele sentou do meu lado e começou a alizar o pau dele. Ai eu nao perdi tempo botei a mao naquele martelo de uns 20cm, tirei o pau dele p fora e comecei a xupar, xupava tudo ate o ovo.

Derrepente ele pediu p comer meu cuzinho, mas tem um poerem eu era virgem e nunca tinha dado p ninguem, falei com ele e ele respondeu q ia botar devagazinho, tirei a roupa dele e a minha cueca...

Fiquei de 4 e ele começou a enfiar quelele pau maravilhoso e gostoso entrou rasgando parecia q tava me dividindo ao meio, eu gemia muito de dor quanto mais eu gemia mais ele enfiava.

Naquele soca soca ele pediu p mim sentar no pau dele, comecei a cavalgar. Ele suava e gemia de tesao, ate que ele pediu para gozar na minha cara, eu falei q podia derrepente saiu akele jato de porra na minha kara kentinho, que delicia.

Depois desse dia ele me pegou umas 7 vevez, depois q a obra acabou nao nos vimos mais...

Ate a proxima.

Autor: Pedro.
E-mail - Não Divulgado
MSN - Não Divulgado
Conto enviado pelo internauta.