Após minha primeira aventura com meu padrinho no carro, fiquei ansioso pela viagem pra praia onde ele me prometeu ser melhor que a mamada do carro.

Apenas pra recapitular meu padrinho tinha na época seus 50 anos moreno masculo 1,88m caralho de 20cm grosso.

Chegou finalmente as ferias de fim de ano e após passar as festas como todo ano fazia, fui pra casa de praia de meu padrinho e madrinha.

Ela é hiper na dela, sossegada, ficava sempre na cozinha e dormia cedo.

Eu e meu tio sempre passeavamos na praia a noite e depois jogavamos baralho até tarde.

Logo na primeira noite meu tio me pegou no passeio, nos beijamos feito loucos na praia, mamei a rola dele de todas as formas até deixar ele louco de tesão a ponto de gozar.

Ele mamou meu rabo tambem me deixando molhadinho e cheio de tesão mas assustado com o tamanho da rola e por ser a primeira vez acabei travando e não rolou nada mais na praia.

Voltamos pra casa, fomos para um quarto mais afastado da casa para minha tia nem desconfiar que tinhamos voltado da praia e nos trancamos.

Tiramos as sungas, aquele cacete enorme e grosso pulando de tesão em pé e eu desejando ser possuído por ele,ajoelhei e comecei a mamar novamente.

Ele me virou na cama, pegou gel e camisinha, foi me acariciando com o dedo e penetrou gostoso.

Depois que relaxei senti aquela cabeça grossa tentando forçar a entrada, mas meu tesão era tanto que relaxei, grudei no travesseiro e deixei a dor passar pra sentir o tesão de ter meu padrinho dentro de mim me bombando e comendo gostoso!

Ele me comeu por um tempo que não sei dizer ao certo quando, mas tirou a rola de meu cu e ainda mamei algumas vezes antes dele estocar em meu rabo e gozar sem camisinha... meu cu escorria porra e ele meteu a lingua e me beijou deliciosamente...

Mas ainda estou no começo da aventura...

No dia seguinte acordei e pra minha surpresa meu padrinho arrumava as coisas pra uma pescaria na ilha, ele nunca me levava e minhas ferias nesses dias de sua ausencia sempre eram de dias chatos. Mas depois da ultima noite que tivemos, ele me disse pra pegar umas sungas apenas e camisetas que eu iria com ele e seus amigos pescar na ilha.

Como tinha os amigos dele nem encanei de que algo pudesse acontecer.. mas as coisas foram bem diferentes.

Fomos em um grupo de 8 homens, em sua maioria pescadores simples mas com corpos de dar inveja, na faixa de 40 a 50 anos, apenas eu e mais um cara que era um pouco mais velho que eu completava esse grupo.

Como não tenho paciencia pra pescar quando chegamos fiquei na praia jogando bola sozinho e nadando enquanto o restante do grupo ficou no barco a uma certa distancia da praia.

Meu tio voltou antes num pequeno bote e disse que estava cansado de tanto sol e iria entrar pra um banho , acariciou a rola que ja estava dura e entrou... claro que após alguns minutos fui atrás.

Mamei ele no banho bem gostoso mas sem gozar e ele pediu que eu segurasse o tesão que o melhor seria a noite... não entendi bem afinal só tinha um grande quarto na casa para todos os homens dormirem juntos.

A noite fiquei no sofa lendo enquanto todos sentaram no chão ao redor de uma mesa de centro e começaram a jogar um jogo besta d ebaralho totalmente sem graça, mas que pro perdedor o castigo era uma dose de bebida forte...

A coisa foi ficando divertida e de repente esquentou quando o castigo se virou para quem perde tira uma peça de roupa.

Quando vi depois de um tempo todos estavam praticamente pelados, alguns de sunga ainda mas se roçando e ficando excitados!!!! Meu tio se levanta no centro da roda e dois ja se enroscam em sua rola, mamando loucamente.

Os demais fizeram o mesmo e num dado momento não sabia mais quem era o que no meio de tanto macho e pica dura se enroscando!

Não resisti e cheguei junto de dois pescadores mais maduros que me atrairam quando os vi no barco e cai de boca na rola deles, e senti alguem por trás me chupando o cu, era o carinha mais novo do grupo que tava peladão tambem e com uma bela rola duraça empinada pronta pra me enrabar.

Abri o rabo com as mãos de forma que ele entendeu que eu queria também.

Meu tio estava urrando de tesão do ouro lado da sala com um macho mamando a rola dele e ele com o cu de outro pescador na boca, preparando com o dedo assim como fez comigo.

E eu mamando dois e dando pro pescador moleque heheh.

As coisas foram muito magicas, em um dado momento eu tava comendo um cara e quase todos passaram a vara em mim naquela noite, sabia que variava o parceiro pela grossura da vara. Mas segurei pra gozar ao maximo até que meu tio anunciou que a partir daquele momento meu cu era dele.

Eu sabia que com a rola dele não deixaria de gozar gostoso.

Ele se sentou no chão e eu de costas pra ele comecei a cavalgar naquela jeba que me fez perder a virgindade enquanto os demais pescadores ou me chupavam a rola ou sentavam nela pra que eu comesse um por um,ate o mais jovem veio em cima e rebolou na minha vara, enquanto meu tio terminava de me arrombar o rabo com sua rola enorme.

Gozei feito um louco e gritava de prazer quando senti meu tio gozando em meu cu e escorrer a porra toda pelo tapete...

Os demais começaram a punhetar e gozar em cima da gente e quando vi estava todo esporrado e quente.

A coisa continuou no banho e nos demais dias, mas acho que já contei coisas demais por hoje...

Autor: Marcelo.
E-mail - marcelo_basp@hotmail.com
MSN - Não Divulgado
Conto enviado pelo internauta.