E aí, galera, blz!!! Curto contos eróticos pq me deixa super excitado e por isso resolvi contar uma das minhas aventuras.

Trabalho numa área do centro da cidade mas lá não tem comércios e por isso não tem muita circulação de pessoas. Certa tarde, tava saindo do trabalho pra pegar meu carro numa rua lateral quando passei por um cara de cabelos lisos, forte, com musculos bem definidos e uma camiseta com gola em V colada ao corpo com o peitoral a vista. Olhei bem pra ele e notei que ele também em olhou. Fiquei logo com ttesão naquele carinha e resolvi olhar pra ver se rolava alguma coisa.

Quando virei vi que ele tava olhando. Continuei caminhando pra mas olhei novamente e ele também. Ele já ia um pouco afastado, entrei no carro e demorei alguns instantes mexendo em algumas coisas só mesmo pra disfarçar. Qando notei ele vinha se aproximando de volta e resolvi cumprimentar.

Ele respondeu e logo perguntou se eu sabia de algum lugar pra conversar. Falei que não e ele que teria. Entramos no carro e não conseguia disfarçar que já tava com meu pau explodindo, quase saindo pela calça e ele conversando e de olho no meu cacete.

Chegamos num salão de cabeleireiro dele e logo foi tirando a camisa. Fiquei com mais tesão ainda e começamos a se esfregar um no outro, eu sentindo o pau dele e passando o meu pau nele também. E cada hora tirava mais a roupa e ele resolveu me chupar. Mamava deliciosamente minha pica que babava de tesão.

Chupei nos peitos dele, lambi sua barriga e logo também chupei aquela pica deliciosa que ele tinha. Perguntei se ele tinha camisinha e logo foi buscar. Botei a pica bem devagar pra sentir cada centimetro entrando e ele gemeu de tesão.

Comecei a bombar e ele de quatro com as maos apoiadas em um balcão meio alto. Segurava ele pela cintura, batia naquela bunda durinha e gostosa e socava com muita vontade. Ele se punhetava e avisou que ia gozar, e gemeu loucamente até gozar no chão.

Gozei junto com ele e senti mau pau inchando dentro daquele cu apertadinho.

Depois ele lavou meu pau numa cadeira daquelas de lavar cabelo no salão, conversamos mais um pouco, trocamos telefone e depois disso fui embora.

Autor: Mateus
E-mail - Não Divulgado
MSN - Não Divulgado
Fonte - Internauta
Conto Enviado pelo Internauta.