Como estamos no início de semestre, pelo menos aqui em minha cidade, é comum a socialização entre veteranos e calouros, passei uma tarde muito divertida.

Admirável o numero de calouros lindos que entraram para meu curso esse ano mas teve um que me chamou a atenção desde o segundo que passou pelas minhas vistas.

O nome dele é Daniel(ficção), loiro, alto, olhos azuis incriveis, me deixou de pernas bambas,até tem uma barriguinha mas gosto de homens grandes e fortinhos.

Pelo fato de ser tímido é complicado chegar nos caras e tal mas Daniel me atraiu tanto que devo ter dado a entender que o queria pq ele acabou se aproximando de mim e conversamos muito, logo ficamos colegas ou amigos sei lá como vai ser de agora em diante.

Vamos a parte interessante.

Como o clima aqui tá frio e chuvoso a comemoração de boas vindas aos calouros ñ foi prolongada, todos foram embora cedo e fiquei com Daniel afinal o papo tava bom e ele estava de moto e iria se molhar todo se fosse embora.

Horas de papo e nada, resolvi arriscar a velha desculpa de "vou ao banheiro".

Daniel me seguiu. Fui só lavar as mãos e o rosto enquanto Daniel colocava o capacete sob a pia e ia ao "mictório".

Ele começa a rir e fala: Cara, ñ vou conseguir mijar direito aqui, olha!

Quando ele se vira , mostra o penis ereto apontando pra mim, branco com veias desenhadas. pude ver a barriguinha dele com um pouco de pelos claros. Pra disfarçar eu começo a rir tbm.

Depois que ele termina de mijar fecha o zíper e ficamos alí parado nos encarando em silencio.

Devagar ele se aproxima, percebo que ele tbm está afim e parto para os braços dele, começamos a nos beijar.

Ele era muito gostoso, sempre curti caras emcorpados com braços grossos e corpão bom de apertar e acariciar.

Puxo ele para um box especial que tem no banheiro masculino, bem espaçoso e pouco utilizado e logo começamos a tirar nossa roupa.

Me abaixo e começo a chupar aqela rola linda, quente e muito gostosa. Ele geme de prazer e força minha cabeça para engolir tudo.

Decidi que ñ passaria desse ponto, até para ñ me comprometer ou ser pego, mas ñ parei alí, continuamos nos beijando e indiquei que queria ser chupado também.Ele se ajoelhou e me abocanhou, chupou meu penis com muito gosto me deixando louco.

Ele engolia tudo enquanto eu acariciava seus cabelos espetado e macios.

Continuamos nos pegando, pelados mas fechados no box por algum tempo e então nos despedimos.

Ñ sei como será no decorrer desse ano mas quero muito repetir a dose e até ir mais além com Daniel.

Autor: Almirsouza
E-mail - souzaalmir1@hotmail.com
MSN - Não Divulgado
Fonte - http://www.contoerotico.com/
Conto Retirado da Internet.